Portal Jatobá

Nove marcas de azeite de oliva têm venda proibida por falsificação

Nove marcas de azeite de oliva têm venda proibida por falsificação

Nove marcas de azeite estão proibidas de serem comercializadas pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). As marcas informavam ao consumidor, por meio rótulos falsos, que o produto era do tipo extra virgem.

As marcas que vão sair das prateleiras são a Casalberto, Conde de Torres, Donana (Premium), Flor de Espanha, La Valenciana, Porto Valência, Serra das Oliveiras, Serra de Montejunto e Torezani (Premium).

Segundo o inquérito da Polícia Civil do Espírito Santo, que investigava uma organização criminosa especializada na falsificação de azeites, os produtos eram, na verdade, óleo de soja.

O Ministério orienta que os estabelecimentos que tenham as marcas de azeites de oliva sob suspeita de fraudes em estoque ou expostos à venda que informem imediatamente, junto às Superintendências Federais de Agricultura nos estados, o volume de produto e o plano de destruição da mercadoria junto à empresa habilitada por órgão estadual de meio ambiente ou recicladora de óleos e embalagens.

Fonte: Bnews

compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp