Portal Jatobá

Mulher de biquíni que bateu em arquiteta possui passagem pela polícia, diz colunista

Mulher de biquíni que bateu em arquiteta possui passagem pela polícia, diz colunista

A mulher que protagonizou o “barraco do Leblon” de biquíni, na última sexta-feira (25), possui passagem pela polícia. Antes de bater na arquiteta Aline Araújo, Sheila Gmack já registrou em seu histórico um episódio de agressão, de acordo com o colunista Leo Dias.

A informação foi divulgada na segunda-feira (28). De acordo com o colunista, o boletim de ocorrência foi feito em dezembro de 2019. Segundo o B.O, o caso ocorreu em um bar na Barra da Tijuca, zona Oeste do Rio de Janeiro.

A VÍTIMA

A vítima alega que Sheila a espancou sem motivo algum. “Ela me espancou sem eu fazer nada. Estava na praia com uns amigos e quando levantei para ir ao banheiro do quiosque, ela me deu um chute pelas costas, caí no chão e ela seguiu me chutando. Fiquei com olho roxo e bem machucada. Ela ficou rindo e debochando. É uma doente mental”, contou.

Ainda de acordo com a vítima, que preferiu não ser identificada, Sheila tinha um affair com uma pessoa que estava no grupo de amigos dela. “Eu nem a conhecia. Depois, fui descobrir que ela já tinha tido um caso com um dos meninos que estavam no nosso grupo de amigos. Prestei queixa contra ela e estou esperando o processo andar. Ela tem que parar de agredir os outros assim”, disse.

Falando sobre o último episódio de agressão ocorrido no Leblon, em seu Instagram, Gmack afirmou que não bateu “à toa” e que apenas revidou a violência.

RELEMBRE O CASO NO VÍDEO ABAIXO

Fonte: Varela Notícias

compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp