Portal Jatobá

Depois de voltar atrás, hospital chinês confirma mesmo a morte do médico que alertou sobre coronavírus

O Hospital Central de Wuhan confirmou, na tarde desta quinta-feira (06), a morte do médico Li Wenliang, de 34 anos. Ele foi o oftalmologista que alertou a população sobre o coronavírus. Li morreu em decorrência da doença. O falecimento tinha sido noticiado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), mas depois foi desmentido pelo próprio hospital, que acabou confirmando, minutos depois. Li era casado e tinha uma filha de cinco anos.

“Li Wenliang, oftalmologista do nosso hospital, infelizmente infectado na luta contra a epidemia do novo coronavírus, (…) morreu às 2h58 de 7 de fevereiro de 2020 (1h58 de 6 de fevereiro, no horário de Brasília). Lamentamos profundamente”, diz um trecho da nota divulgada pela unidade de saúde.

Investigação
O oftalmologista é apontado como uma das primeiras pessoas que identificaram a existência do surto do novo coronavírus e alertaram as autoridades chinesas. Consequentemente, ele foi um dos oito médicos que a polícia chinesa investigou sob acusação de “espalhar boatos” relacionados ao surto da doença.

Fonte: Correio da Bahia

compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp

JATOBÁ >