Como proteger melhor sua casa de assaltos e arrombamentos

0

Quem vive em grandes centros populacionais está constantemente sujeito a alguns perigos da vida urbana, como furtos, assaltos e até mesmo tiroteios. Assim, é comum buscar constantemente novas maneiras de se proteger, seja voltando para casa acompanhado, evitando andar com acessórios e aparelhos eletrônicos chamativos nas ruas, ou até mesmo desconfiando de todos no transporte público.

Chegar em casa são e salvo todos os dias costuma ser uma vitória para a maioria das pessoas, mas isso não significa que os cuidados com a segurança devem ser deixados na porta de casa. Afinal, invasões de domicílio também são bastante comuns e muito mais perigosas que furtos e assaltos na rua. Portanto, saber o que fazer para se proteger é fundamental para não se tornar mais uma vítima do crime.

E, para ajudar você a proteger melhor sua casa e todos que vivem nela, separamos algumas dicas que podem evitar assaltos e arrombamentos. Dê uma conferida:

 Tome cuidado com chaves demais

 Quem tem família muito grande sabe que é necessário providenciar chaves da casa para todos, seja para emergências ou outras situações. Mas chaves demais espalhadas por aí podem ser um perigo para a segurança da residência. Isso porque alguém da família, em um momento de distração, pode perder sua cópia. Assim, fica muito mais fácil algum criminoso invadir a casa. A solução, então, é evitar fazer muitas cópias da chave, e só dá-las a quem realmente precisar de uma.

 Vai sair? Luzes e aparelhos ligados

 Este é um truque até bastante velho e, provavelmente, seus pais ou avós já devem tê-lo usado em mais de uma ocasião. Ele consiste, basicamente, em deixar luzes, aparelhos de televisão ou até mesmo rádios ligados ao sair de casa. Dessa maneira, parece que há pessoas na residência, o que pode inibir algumas ações criminosas que se aproveitam de casas vazias para cometer a infração. Essa técnica, porém, não é nem um pouco garantida, mas pode funcionar às vezes.

 Não deixe a casa largada nas férias

 Casas vazias durante férias em família são um prato cheio para qualquer um que deseja invadir a residência. E é muito fácil perceber quando uma casa está vazia: luzes apagadas, garagens sempre ocupadas (ou sempre vazias), correspondências acumuladas, entre outros. Uma dica para evitar que sua casa se torne um alvo fácil, então, é pedir para que alguém, um vizinho ou amigo, vá até a casa de vez em quando, tanto para verificá-la quanto para fazer parecer que ela não está tão vazia.

 Não confie em qualquer funcionário

 Criminosos que desejam invadir uma casa podem usar vários recursos para facilitar o crime. Um dos mais comuns é bastante simples – além de, infelizmente, muito eficaz: usar disfarces de prestadores de serviço, como agente dos Correios, entregador, entre outros. Para evitar cair na mentira, o ideal é desconfiar sempre. Peça algum documento que identifique a pessoa como o profissional que ela afirma ser ou, então, ligue para a suposta empresa para qual ela trabalha e informe-se.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here