Campanha denuncia potenciais assassinos do trânsito que divulgam vídeos com seus crimes

Campanha denuncia potenciais assassinos do trânsito que divulgam vídeos com seus crimes

Várias entidades unidas, inclusive de vítimas de trânsito e seus familiares, participam de campanha da Fenaprf- Nacional dos Policiais Rodoviários Federais cujo foco é mostrar que condutores que colocam em risco a vida de usuários nas rodovias e cidades e depois postam na internet precisam ser denunciados. Portanto, não dê like pois pode estimular esses crimes de trânsito e contribuir para acidentes e morte.

Não dê like mas denuncie no Youtube, Facebook, Instagram e qualquer plataforma. É sempre simples e anônimo. Ainda mais importante durante o Maio Amarelo, mês da segurança viária.

A campanha surge em função do condutores irresponsáveis que utilizam as rodovias e ruas como pista de corrida. Depois postam nas suas mídias, principalmente Youtube, e são remunerados com a receita da publicidade que o Google viabiliza nesses espaços.

Alguns chegam a faturar mais de R$ 70 mil por mês, fora outras receitas. Esse tipo de abuso vem aumentando e para combater foi apresentado o PL-130-2020 da Deputada Federal Christiane Yared.

O objetivo é usar as imagens geradas pelos criminosos do trânsito para aplicar a lei, suspender a CNH e multar. Além disso, responsabilizar também as plataformas, ou seja, os canais que são utilizados para veicular os crimes, como Youtube e similares e ainda os remuneram.

 

Via Portal Estradas

Deixe uma resposta

Fechar Menu