Acusado de estupro seguido de morte e outros crimes em Barragem Leste e Jatobá é preso em SP

0

O delegado Rodrigo Rocha Cavalcanti, divulgou na manhã desta segunda-feira, 12, que Francisco dos Santos, mais conhecido como ‘Chiquinho’, foi preso no momento em que desembarcava de um ônibus no Estado de São Paulo. O homem era foragido da justiça de Alagoas, acusado de diversos crimes, entre eles um estupro seguido de morte praticado na zona rural de Delmiro Gouveia, além desse crime ele tinha a participação em assaltos, roubos e até chegou a trocar tiros com a Polícia Militar na divisa do Estado de Alagoas e Bahia.

De acordo com o delegado, o homem estava sendo monitorado desde o início de junho, quando a justiça decretou a sua prisão. “Nós apuramos que ele estuprou e matou uma senhora, depois desse crime ele passou a praticar outros. Entre eles o roubo de celular e outros homicídios, recentemente ele fugiu de uma abordagem policial e trocou tiros com militares do GPM de Barragem Leste (veja aqui). Era um verdadeiro cavalo do cão, mas hoje conseguimos captura-lo.” Destacou Rodrigo Rocha Cavalcanti.

Delegado Rodrigo Rocha Cavalcanti:

Missão cumprida. Na manhã de hoje,através de um trabalho de inteligência da delegacia regional de Delmiro Gouveia,conseguimos prender,com o apoio da polícia paulista,Francisco dos Santos “Chiquinho “. Esse que vinha tirando a paz e o sossego do município de Delmiro Gouveia. Francisco foi monitorado,quando se evadia em um ônibus para a cidade de São Paulo!

Ainda segundo a polícia, ‘Chiquinho’ estava residindo no Distrito de Barragem Leste, lá a população temia a sua presença e passou a efetuar denúncias, mas quando a polícia ia averiguar o suspeito conseguia escapar.

As investigações policiais apontaram também que Chiquinho e outro homem foram os autores de um arrastão ocorrido no Povoado Sinimbu, na ocasião os elementos não pouparam nem a igreja da comunidade. Eles invadiram o espaço religioso e roubaram alguns fiéis.

Agora a polícia alagoana irá se deslocar até o Estado de São Paulo para conduzir o suspeito para a Delegacia Regional de Polícia (1ª-DRP) para que ele possa cumprir a pena estabelecida para os crimes que cometeu.

Via Portal Pa4

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here