Menu

Sábado, 29 Junho 2013 16:16

Delmiro Gouveia- Mulher esfaqueia duas durante festa na cidade

Avalie este item
(0 votos)

Continua presa na Delegacia Regional de Delmiro Gouveia a jovem Maria Gilcélia dos Santos, conhecida como “Giza”, 21, acusada de esfaquear outras duas mulheres na última sexta-feira (21), após uma discussão, durante as festividades do São João na cidade.

De acordo com a Guarda Municipal, as duas vítimas são Eliane Alves dos Santos, 30, e Natila Clécia Ribeiro Santana, 32, ambas amigas que teriam decidido tomar satisfação com a acusada pelo fato dela ser suspeita de ter roubado um celular delas, situação ocorrida em janeiro deste ano, enquanto as três trabalhavam em uma casa de prostíbulo. “Giza” não teria gostado da acusação quando iniciou uma discussão com as “amigas”, sacou um canivete do bolso da calça que trajava e as feriu.

Eliane Alves teve parte do braço direito cortado e teve que ser levada as pressas por uma equipe do Corpo de Bombeiro Militar para o hospital do município. Já Natila Clécia também foi cortada no braço direito e sofreu outros ferimentos leves. Ela também foi socorrida para a unidade de saúde local. A acusada fugiu do local.

Uma guarnição da Guarda Municipal realizou uma busca por “Giza” durante a festa, mas ela tentou fugir ao perceber os guardas e acabou detida. A mulher parecia descontrolada ao ponto de agredir os GMs com chutes e socos, precisando ser imobilizada e levada para Delegacia Regional da cidade.

O canivete usado no crime não foi encontrado, mas os guardas municipais suspeitam que ela possa ter jogado ao perceber a presença dos deles. Na delegacia “Giza” negou a acusação e disse aos policiais de plantão que teria empurrado as duas vítimas que ao cair se cortaram em pedaços de vidro que estavam no chão.

Os policiais civis constataram que Maria Gilcélia dos Santos, em 2011, foi presa no município sob a acusação de tráfico de drogas. Na ocasião, ela tentava passar drogas em um frasco de desodorante para o seu companheiro que se encontrava preso nas carceragens daquela delegacia. Agora “Giza” vai responder na justiça por tentativa de homicídio.

 

Fonte: Minuto Sertão

Ler 704 vezes Última modificação em Sábado, 29 Junho 2013 16:24